ALERTA – Sobre os Perigos Letais do Cloro e Flúor na Água!

Breve História do Cloro e Flúor
Há cerca de 180 anos atrás, os cientistas enquanto pesquisava a forma de prevenção contra a febre tifóide no abastecimento de água descobriram que o cloro matava as bactérias e vírus. Por conter um altíssimo efeito corrosivo foi utilizado como arma biológica terrivelmente eficiente e eficaz durante a Primeira Guerra Mundial, foi à primeira arma biológica conhecida e utilizada em larga escala.

Na forma de gás o cloro é mais pesado que o ar, ficando próximo ao solo destruiu os pulmões dos soldados na guerra.

Hoje, no Brasil, o cloro é largamente usado como o principal método para a desinfecção do abastecimento de água, piscinas, lavanderia e branqueamento de roupas. Os Países do Primeiro Mundo já abandonaram o cloro e estão eliminado o flúor do abastecimento da água. O flúor foi largamente usado pelos Nazistas para fazer controle dos povos dominados durante a Segunda Guerra Mundial; é um subproduto da bauxita.

O cloro e flúor são dois componentes acumulativos no organismo como o mercúrio e podem causar depressão e câncer. O flúor e água aquecida gera o chamado ácido fluorídrico (HF – formula química) que corri inclusive vidro; altamente tóxico!

Países do Primeiro Mundo adotam a Medicina da Prevenção enquanto aqui fazemos a Medicina da Doença que é muito mais cara para o Sistema Único de Saúde – SUS.

Cozinhar com água clorada e fluorada destrói as propriedades e vitaminas contidas nos alimentos que são tão necessárias a qualidade da saúde.

Porque eliminar o cloro e flúor da água fornecida pela Concessionária?

O cloro é um produto químico altamente tóxico e venenoso ao Ser Humano, utilizado para remoção de resíduos de graxa e óleos, fungos, mofos e lodos; ainda, utilizado para a eliminação de bactérias, vírus e germes. Limpeza de pisos causa inúmeros problemas alérgicos aos funcionários.

Se você não está convencido ainda sobre os perigos do cloro na água, aqui está um extrato do Dr. Zoltan P. Rona que é graduado pela McGill University Medical School e, Mestre em Clínica Nutricional e Bioquímica pela University of Bridgeport in Connecticut – USA

- “A maioria das pessoas nunca se deram conta da gravidade do uso do cloro e do flúor na água. Os responsáveis pela Saúde e os de manter a qualidade da água asseguram que a água clorada é completamente segura para o consumo humano. Mentira! Numerosos estudos científicos relatam que a água clorada é um irritante da pele e pode ser associado a erupções como eczema, capaz de destruir ácidos graxos poliinsaturados e vitamina E do corpo ao mesmo tempo gerando toxinas capazes de danos dos radicais livres (oxidação). Isto pode explicar porque a suplementação da dieta com ácidos graxos essenciais, como óleo de linhaça, óleo de prímula, óleo de borragem e antioxidantes como a vitamina E, selênio e outros ajudam a tantos casos de eczema e pele seca. Quanto ao flúor é subproduto da bauxita obtido do processo de produção do alumínio, o flúor retira cálcio dos ossos podendo causar osteoporose. Panelas de alumínio e panelas antiaderentes estão ligadas com a Doença de Alzheimer; infelizmente isto não é passado à população por lobby das grandes empresas para continuarem a faturar”.

Água clorada destrói grande parte da flora intestinal, as bactérias amigáveis que ajudam na digestão dos alimentos e que protege o corpo contra patógenos prejudiciais. Estas bactérias também são responsáveis para a fabricação de várias vitaminas importantes como a vitamina B12 e vitamina K. Além de ser responsável por condições crônicas da pele, como acne, psoríase, seborréia, eczema o que pode ser melhorada significativamente tomando e usando água potável sem cloro e dieta suplementar com Lactobacillus acidophilus e bifidus.

Água clorada contém compostos químicos chamados trihalometanos que são substâncias cancerígenas resultantes da combinação de cloro com compostos em água. Estes produtos químicos, também conhecidos como organoclorados, não se degradam muito bem e geralmente são armazenadas nos tecidos gordurosos do corpo (peito, outras áreas gordurosas, leite materno, sangue e sêmen). Organoclorados podem causar mutações, alterando o DNA, suprimir a função do sistema imunológico e interferir com os controles naturais do crescimento celular.

Outro fator a ser considerado é a pele; o cloro destrói o equilíbrio natural das bactérias benéficas da nossa pele que tem uma ecologia própria que precisa ser preservada, a fim de manter a pele saudável e sua beleza associada.
A ação do cloro tem sido documentada por agravar a asma, rinite, sinusite reações alérgicas no sistema respiratório, olhos, garganta; especialmente nas crianças que fazem uso de piscinas com cloro e chuveiro na posição de quente por produzir a solução aquosa de acido clorídrico. O chuveiro quente vaporiza o cloro da água causando edemas nos pulmões e atacando a pele e cabelo; deixando os cabelos secos e quebradiços e a pele escamosa e eritemas que provocam coceiras. Longos banhos são um grave risco a saúde. As mulheres sempre relatam quedas de cabelos acentuadas durante o banho e ao longo do dia, cloro é o fator responsável por este efeito; elas aplicam cremes para resolver o problema, porém não atuam de forma eficaz porque o cloro neutraliza os efeitos nocivos deste produto tóxico. O cloro pode até causar a depressão nas pessoas.

Depoimento do Dr. Lair Ribeiro, médico com mestrado em Cardiologia

- “O banho com a água clorada resseca e provoca a irritação da pele e prejudica os pulmões e podendo causar danos ao coração. Um problema sério no Brasil é que a sauna úmida utiliza a água clorada para geração do vapor; aí temos o gás clorídrico dentro das câmaras de sauna. Recomenda-se que se utilize sauna seca apenas no Brasil.

Nos países desenvolvidos o cloro foi eliminado do processo de abastecimento d’água há muito tempo e o flúor está em processo de eliminação há cinco anos. Alguns Pneumologistas recomendam o uso do vapor d’água dos chuveiros elétricos para as crianças com problemas respiratórios isto é grave”.

Cloro na água do banho é prontamente absorvido pela pele e por inalação do vapor e spray. Em um banho de dez minutos, podemos absorver até 600% os contaminantes mais do que na água da torneira. Somos bombardeados diariamente por estas toxinas. Estudos científicos demonstram que por razões de saúde é melhor remover o cloro e flúor da água. Procure utilizar pasta dental sem flúor.

Cloro provoca edema pulmonar; a exposição regular ao cloro gasoso mesmo em níveis baixos, como no banho normal reduzir a capacidade de transferência de oxigênio dos pulmões; sendo fator crítico para os atletas e pessoas propensas a insuficiência cardíaca.

O limite olfativo do cloro é em torno de 3,5 PPM (partes por milhão), quando sentimos o cheiro de cloro a concentração já está acima deste nível legal. A concentração letal para dez minutos de exposição é de cerca de 600 PPM. O cloro pode realmente aumentar os efeitos do envelhecimento da pele pelo o processo de deterioração celular. A resistência elétrica do chuveiro é feita de metal é o cloro consegue destruí-la e dizemos que a resistência queimou; na verdade o cloro a danificou.

As concessionárias conhecem bem estes problemas ocasionados pelo cloro e o flúor. O sistema de abastecimento está preparado para utilização destes dois componentes químicos e para a modificação do sistema será necessárias elevadas somas de capital investido; como isto não é possível para o momento, o sistema permanece inalterado.

Água clorada contamina solo, nascentes, rios, represas, plantas e animais.
Você já reparou como as plantas ficam mais vistosas após as chuvas?

Na escala química, o pH do nosso sangue é levemente alcalino 7,36 a 7,4 e as células saudáveis também; elas morrem em ambiente ácido enquanto que as células cancerosas morrem em um ambiente alcalino; portanto devemos tomar água alcalina ou alcalinizada por bicarbonato de sódio dentro da faixa do pH do sangue, para nos mantermos saudáveis. Evite beber qualquer tipo de refrigerante que é ácido e qualquer líquido e alimentos (como iogurte, leites, outros) engarrafados em recipiente plástico devido ao BPA – Bisphenol A que é altamente cancerígeno.

O Ministério Público Federal descobriu que os refrigerantes também contêm benzeno na sua composição; podendo gerar doenças sanguíneas e cânceres. Também está presente na fumaça do cigarro, no escapamento dos automóveis e em alguns produtos industriais como plásticos, borrachas e detergentes.

Ao tomarmos água clorada estamos introduzindo em nosso corpo substancias acidas e gerando condições para as mais diversas doenças.

Vários estudos também apontam cloro e subprodutos clorados a uma maior incidência de câncer de mama, bexiga e câncer de intestino, assim como o melanoma maligno. Um estudo mesmo ligações a utilização de água clorada para anomalias cardíacas congênitas. Qualquer coisa que se possa fazer para filtrar a água da torneira e chuveiro; que elimine ou minimiza o cloro e o flúor certamente será útil e curativa para alguns dos problemas do sistema imunológico e a Natureza.

# Vídeo: A Farsa do Flúor 1/3 (The Fluoride Deception) – Legendas em Português

Leia o artigo sobre o Lítio e a estatina na água de abastecimento das concessionarias:

http://xgerms.wordpress.com/2011/11/28/alerta-agora-e-a-vez-do-litio-e-estatinas-serem-colocadas-na-agua-do-dia-a-dia/

Tecnologia Verde
A Tecnologia UV-C é uma importante arma para o combate e prevenção contra os micro-organismos em ambientes fechados e principlamente contra bioterrorismo sendo recomendado fortemente pela FEMA (Federal Emergency Management Agency), CDC (Centers for Disease Control and Prevention), ASHRAE (American Society of Heating, Refrigerating and Air Conditioning Engineers) e IUVA (International Ultraviolet Association)

Tecnologia UV-C é ecologicamente correta e sustentável sem uso de produtos químicos e tóxicos. Maiores informações no site:

http://www.xgerms.com.br

Leia outras reportagens sobre Tecnologia UV-C no blog
http://www.xgerms.wordpress.com

About these ads
Esse post foi publicado em ambientes fechados, cloro, cloto, desinfecção, doenças, esterilização, flúor, hiper-bactérias, hiperbacterias, Infecções hospitalares, pneumonia, Profissionais da Saúde, super-bactérias, superbactérias, TB, tecnologia, Tecnologia Verde, tuberculose, ultravioleta, Uncategorized, UV-C, UVGI. Bookmark o link permanente.

3 respostas para ALERTA – Sobre os Perigos Letais do Cloro e Flúor na Água!

  1. João Szucko disse:

    Muito importante termos o conhecimento deste assunto para a melhoria da Qualidade de Vida.

  2. João Szucko disse:

    IMPORTANTE CONHECERMOS OS RISCOS DO CLORO E DO FLÚOR À NOSSA SAÚDE!!!

  3. Pingback: Lançamento XGerms – Esterilizador UV-C para reservatórios e caixas d’água | xgerms

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s